SEMINÁRIO INTERNACIONAL DEBATE FUTEBOL FEMININO

Por 13 de junho de 2017 Notícias Sem comentários
FUTEBOL FEMININO

A Deputada Enfermeira Rejane,autora da primeira e única Lei Estadual de fomento ao futebol feminino no Rio de Janeiro (Lei 7.576/2017) , é uma das convidadas para a mesa de abertura do 1º Seminário Internacional de desenvolvimento do futebol feminino.

O encontro, no próximo dia 22 de junho, vai debater a Influência legislativa no status do futebol feminino e o crescimento mundial do futebol feminino, além do marketing de patrocínio e recursos disponíveis ao esporte praticado por mulheres.

Embora o futebol feminino brasileiro tenha destaque internacional, não há investimentos para o desenvolvimento do esporte por mulheres, o que vai mudar nos próximos anos, a partir da Lei da Deputada Enfermeira Rejane. A Lei prevê que a prática da modalidade seja oferecida às estudantes da rede estadual de ensino e incluída em pelo menos 30% dos projetos implantados nos equipamentos esportivos do Estado. O objetivo é revelar talentos e formar atletas para uma futura profissionalização.

No Rio de Janeiro, principalmente no município, times femininos vêm treinando e disputando campeonatos informais, por amor ao esporte e com a esperança de algum dia se tornar uma nova “Marta”, considerada por cinco vezes a melhor artilheira do mundo e integrante da Seleção Brasileira de Futebol Feminino.

Um exemplo é o Grêmio Feminino da Pavuna, treinado voluntariamente pelo técnico Cleisson Teixeira. São 39 meninas a partir de 15 anos, que comparecem todos os domingos ao campo de grama sintética localizado na Praça Nossa Senhora das Dores. Há três anos, elas se deslocam inclusive de municípios como Belford Roxo e Caxias, para treinar e jogar por apenas algumas horas, sem qualquer ajuda de custo. O Grêmio está disputando pela primeira vez o campeonato que acontece no Parque Madureira, reunindo 10 times femininos.

O 1º Seminário Internacional de desenvolvimento do futebol feminino será realizado dia 22 de junho, no Copacabana Palace, a partir das 9h da manhã, promovido pela FERJ (Federação Estadual de Futebol do Rio de Janeiro) e Instituto de Ciências do Futebol.

Comente