EM VIGOR NOVO PISO SALARIAL RJ 2017

Por 10 de março de 2017 Notícias 23 Comentários
piso 2017

Já está valendo o novo piso salarial para os trabalhadores da iniciativa privada de mais de 100 categorias profissionais, no Estado do Rio de Janeiro.
A Lei, aprovada pela Alerj, foi sancionada pelo Governador e publicada no Diário Oficial desta sexta-feira, dia 10 de março.
O reajuste de 8% é retroativo a janeiro.
Empresas da administração indireta, OSs e terceirizadas pelo Poder Público também devem aplicar o novo piso a seus funcionários.

Veja os valores em vigor do Piso Salarial Regional 2017:

R$  1.178,41 – Maqueiro
R$ 1.262,20 – Auxiliar de Enfermagem; Doula
R$ 1.529,26 – Técnico em enfermagem; técnico em radiologia ;técnico em farmácia
R$ 2.306,45 – Motorista de ambulância; técnico de instrumentalização cirúrgica
R$ 2.899,79 – Enfermeiro; psicólogo; fonoaudiólogo; fisioterapeuta; terapeuta ocupacional; biólogo; nutricionista; biomédico; farmacêutico

23 Comentários

  • Jucira Oliveira D'Almeida disse:

    Espero que seja cumprida tal lei. Mais que isso q nossos pagamentos sejam postos em dia. Chega de atrasos e o não pagamento dos juros. Chega de nos deixarmos para último plano. Já ganhamos tão pouco em vista de outras categorias. Queremos justiça.

  • Marilene disse:

    Será que vai valer mesmo para o funcionário da rede estadual..??

  • Geize disse:

    A criatura se prepara
    Faz curso superior
    Se forma enfermeiro ‍⚕️
    Aí começa a trabalhar e ……
    Comanda uma equipe de técnico ‍ de enfermagem
    Maqueiros
    Porteiros
    Etc, tem a obrigação de treinar e capacitar equipe, elaborar escala , correr atrás de medico pra ” implorar ” que prescreva, evolua, acordar medico na madrugada para atende e…….. aqui não cabe as infinitas obrigações E um NOVO. piso salarial é publicado
    Um pouco mais que……..,,,,.,..
    3 salários mínimos .
    Simplesmente 500 reais a mais que por exemplo, motorista. Cuja responsabilidade do cargo não se compara a do enfermeiro.
    Quem cuida do doente à beira do leito
    Quem é responsabilizado se QUALQUER coisa sai errado. Tudo de errado a culpa/responsabilidade é de quem??!!! Do enfermeiro. Mas se o doente saiu bem
    Se tudo der certo
    O enfermeiro e sua equipe sequer são lembrados.
    E sempre o médico ganha um mimo
    Uma lembrança. Só tenho uma palavra
    REVOLTANTE. Salário miserável. Vergonhoso

    • Concordo plenamente. Acho um absurdo nosso piso salarial ser tão baixo, tendo em vista o tamanho de nosso investimento enquanto acadêmicos e principalmente a nossa responsabilidade depois de formados. Lamentável. Brasil sendo Brasil!

    • Andrei maciel disse:

      Concordo com suas colocações mas discordo da menos importância do motorista da ambulância pois o motorista tem a maior responsabilidade de conduzir tá tão a vítima quanto a equipe para o destino. Considero que o investimento do graduado é muito grande mas em relação à responsabilidade todos tem seu grau de importância. Não me interprete mal pois meu intuito não é desmerecer sua opinião, a qual respeito também, mas para lançar uma idéia de pararmos de diminuir certas coisas para crescermos. Acredito nos valores individuais mas na profissão da saúde temos obrigação de sermos parceiros de todos que fazem parte do sistema, Direta ou oindiretamente. Sou apenas estudante de informarem ainda mas espero que até me formar, está classificado esteja mais humilde e solidária.

    • Simone disse:

      Concordo com você,mas pare pra pensar no motorista de ambulância
      Não sei se já trabalhou em ambulância antes, se não vou te explicar
      Fazemos plantões de 24hs e muitas da vezes até 48hs e 72hs,mas o motorista pode fazer no máximo 24hs.
      A carga horária com os custo benefícios e as obrigações são simplesmente ofensivas
      O motorista SOCORRISTA, que é o motorista de ambulância não dirige apenas;ele muitas das vezes sabe mais que otec/enfermeiro e até o próprio médico que em sua maioria são recém formados que não sabem nada além de um monte de teoria ou médicos aposentados em fim de carreira que se acham mais na realidade não sabem nem manusear o respirador que é função do médico e acaba sobrando para a enfermagem ou o MOTORISTA.
      E depois que está tudo arrumadinho,paciente estável a enfermagem acompanha monitorando o paciente até o destino,enquanto o motorista realiza oque deveria ser a função dele de dirigir e o médico??? AFF… este normalmente vai dormindo enquanto realizamos o trabalho dele pra ele dormir.
      É muito fácil questionar o piso do motorista de ambulância quando nunca se teve contato com um
      Sou técnica de enfermagem socorrista com todo meu orgulho e apoio o piso salário do MOTORISTA DE AMBULÂNCIA que é bem merecido,inclusive as empresas de ambulância tem se recusado a pagar
      Afinal se o motorista dormir morre todos dentro da ambulância né?!

  • Márcio Ferreira Barcelos disse:

    Só falta as empresas começar á pagar, pois a lei ficar no papel é fácil, mas precisamos de ação para levar sustento para nossas moradias.
    Por incrível que pareça, as empresas particulares só se mobilizam quando a empresa ” VIDA” começa a pagar, aí então veremos a cor do dinheiro.
    Desculpe pelo desabafo, mas isso é a verdadeira.
    Márcio Barcelos

  • Shirlene Matoso disse:

    Rejane , não gostei de vc ter assinado e compartilhado com a privatização da CEDAE, absurdo isso, então espero que pelo menos faça algo para nós enfermeiros e para os técnicos de enfermagem com esse almento salarial, meu Nome e Shirlene Matos.

  • Márcia Nunes da Costa disse:

    Espero que realmente seja verdade,já estamos cansados de sermos enganados. Pagamos Coren caro e ninguém faz nada pela nossa classe.

  • LEIA disse:

    BOA TARDE PARA OS TÉCNICOS DE ENFERMAGEM, QUAL SERIA A CARGA HORÁRIA A SER BASEADA NESSE PISO SALARIAL?

  • dudu disse:

    Para servidores públicos não tem nenhuma lei? Estamos desamparados. Qual o piso salarial do Enfermeiro ESF?

  • Ivete Ferreira de Andrade disse:

    Sou técnica de enfermagem, trabalho a maior parte do tempo sozinha em um ambulatório de urgência, e ainda tenho que colher sangue de oito da manhã às 11hs, enfim é uma dupla função, que não ganho um centavo por isso. Fico satisfeita quando vem o um aumento para a nossa categoria, mas ainda é muito pouco!

  • Camila Miranda disse:

    Bom saber que existe um ajuste salarial.
    Triste saber o valor do piso salarial do enfermeiro!!!
    Sabe quem é o enfermeiro???
    O profissional responsável por: gerenciar o setor, supervisionar e responder por uma equipe de técnicos de enfermagem, planejar cuidados e executar a assistência ao paciente.
    Esse profissional estuda 5 anos na graduação , se especializa, investe em cursos a fim de aprimorar seus conhecimento e sua prática assistencial.
    E seu salário base, infelizmente, não ultrapassa R$3.000,00.
    Até quando enfrentaremos essa realidade? Outros profissionais, com nível de escolaridade abaixo do nosso, possuem um piso salarial com diferença mínima quando comparado ao nosso.
    Todo esse investimento pré formação, muitas vezes não tem retorno financeiro. É justo Isso??

    É justo um técnico de enfermagem ter como piso salarial um valor abaixo do motorista de ambulância??

    A enfermagem precisa de força!!
    A enfermagem precisa ter reconhecimento financeiro!!!
    Pois é a enfermagem que permanece 24h ao lado do paciente, seja qual for o local que ele esteja internado .
    Acorda Brasil!!!!!

    • Ronan disse:

      Estou vendo aqui geral desmerecer o motorista de ambulância. Lamentável. Vidas também dependem do motorista, de quem está na rua e de quem está no veículo, ou aguardando socorro. Motorista que muitas vezes tem que assumir riscos para tentar fazer a diferença. Fora a responsabilidade para com o equipamento que é o veículo.
      Farinha pouca, meu pirão primeiro? Muito lamentável.

      • Ana Carla disse:

        A questão não é o salário do motorista da ambulância. A questão é o piso salarial dos técnicos e enfermeiros serem incompatíveis com a carga horária e importância que tem um enfermeiro dentro de uma unidade hospitalar.
        O motorista deve ganhar bem e compatível com sua carga horaria semanal de trabalho. Entretanto, é uma vergonha a desvalorização da enfermagem! Ainda é pouco e devemos lutar para conquistar mais e nos unirmos ao invés de ficar comparando as categorias.

    • Carla disse:

      Concordo plenamente com vc,tb sou técnica de enfermagem,e é muita carga horária e procedimentos para recebermos mt pouco. Imagina para as enfermeiras de curso superior… vergonha esse Brasil

  • Bianca disse:

    Você estuda anos e anos, paga quase R$ 2.000,00 na mensalidade da faculdade, e por fim… R$ 2.899,79 de salário. Sem mais.

  • Patrícia disse:

    Gostaria de saber porquê existem muitas instituições privadas não pagam nem o piso? E mais ainda porque o Coren não fiscaliza?

  • valeska carvalho disse:

    isso tudo só para Ingles ver no papel pq na realidade continuamos sem receber nosso piso

  • Renata disse:

    Infelizmente ainda existe o contrato pela Prefeitura no qual alguns enfermeiros graduados contratados ganham absurdamente 1,700,00 reais e com descontos do INSS o valor recebido é de 1.565,00. Em uma carga horária 12/60.
    Enquanto políticos roubam absurdamente na nossa frente valores que eu não tenho noção de quantos zeros comportam suas contas bancárias.
    Parabéns enfermeira Rejane. Espero que saia realmente do papel.
    E que o Coren faça valer pois pagamos anuidades com valores fixos conforme nossa categoria independente se ganhamos o piso salarial

  • Renato Costa disse:

    Gostaria de saber o número desta lei que foi aprovada e publicada no diário oficial, referente ao piso de técnico de enfermagem, pois trabalho a 4 anos numa empresa da qual recebo bem abaixo deste piso.

Comente